Blog de Ângelo Vieira da Silva, Marido da Keila, pai do Rafael. Cristão Calvinista, Pastor Presbiteriano. Pesquisador dedicado. Cruzeirense e Gamer de clássicos.

O 1º CULTO PROTESTANTE NO BRASIL


No dia 10/03 lembramos do 1º Culto Protestante no Brasil. Esta data é muito especial em virtude dos acontecimentos que a marcaram, bem como sua aplicabilidade às nossas vidas. Vejamos um pouco desta parte da história.



1. O Contexto Histórico

O Brasil era colônia portuguesa em regime de “Padroado”. O historiador presbiteriano, Dr. Alderi, define o Padroado como sendo “uma concessão feita pela Igreja Católica a determinados governantes civis, oferecendo-lhes certo controle sobre a igreja em seus respectivos territórios como um reconhecimento por serviços prestados à causa católica e um incentivo a futuras ações em benefício da igreja”. Em 1493, Papa Alexandre VI redigiu um documento declarando a supremacia espanhola sobre as terras descobertas. Em 1494, o Tratado de Tordesilhas determinou o que seria da Espanha e o que seria de Portugal nas novas descobertas. Em 1549, chegam os primeiros 6 jesuítas ao Brasil (Companhia de Jesus foi organizada 9 anos antes, em 1540). Em 1553, chega o mais famoso dos jesuítas, José de Anchieta. Em 1555, sob a liderança de Nicolas Durand de Villegaignon, grupo de cerca 600 franceses fundaram o Forte Coligny na Baía da Guanabara-RJ, dando origem à “França Antártica”, ficando, assim, conhecida como “a Invasão Francesa” em nossa história católica brasileira.

2. A Chegada dos Protestantes

Villegaignon solicitou a Calvino o envio de pastores. Em 07/03/1557, chegaram 2 pastores (Pierre Richier e Guillaume Chartier), um grupo de huguenotes (Protestantes franceses) e refugiados vindos de Genebra, numa 2ª expedição. Em 10/03/1557 celebram o 1º culto protestante em solo brasileiro. Em 21/03/1557 ocorre a celebração da 1ª Santa Ceia em rito Genebrino.

3. A Confissão de Fé de Guanabara

Infelizmente Villegaignon não era o que todos pensavam. Assim, o “Ex-frade” Jean Cointac levanta questões sobre o sacrifício da missa, a doutrina e usos dos sacramentos, a invocação e mediação dos santos, a oração pelos mortos, o purgatório e muitas outras que fazem com que Villegaignon posicione-se católico e perseguisse os huguenotes. Estes buscaram refúgio entre os índios tupinambás. Tentaram fugir por navio, mas este afundou. Cinco voltaram, e foram aprisionados por Villegaignon. Surgiu assim a “Confissão de Fé da Guanabara” que culminou no enforcamento dos calvinistas.

Rev. Ângelo Vieira da Silva
Compartilhar no Google Plus
    Blogger Comment

3 comentários:

  1. Olá Solimar.

    Dado seu post em nosso blog e a elaboração de sua tese final sugiro que procure o Rev. Wilson Santana, da Universidade Presbiteriana Mackenzie/SP, profundo conhecedor do tema.
    Creio que ele muito poderá ajudá-la.

    Outro contato importante seria o Dr. Alderi Matos, historidador da Igreja Presbiteriana do Brasil.

    Os e-mails dos reverendos aciam citados estão no link da Universidade Presbiteriana Mackenzie abaixo:

    http://www.mackenzie.br/corpo_docente3.html

    ResponderExcluir
  2. Em 10/03/1557 celebraram o 1º culto protestante em solo brasileiro. Em 21/03/1557 ocorreu a celebração da 1ª Santa Ceia em rito Genebrino.

    ResponderExcluir

Comente essa postagem aqui:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial