TRÊS TONS FUNDAMENTAIS PARA 2014


O que uma palavra pode transmitir mesmo sendo uma unidade mínima, solitária? A resposta é: muito, aliás, tanto bênçãos como maldições. A advertência está em Tiago 3.10: “De uma só boca procede bênção e maldição”. Popularmente ouvimos que nossa palavra tem poder: poder para levantar as pessoas e derrubá-las, poder para alegrar pessoas e entristecê-las, poder para ajuntar e separar. Com o advento de um novo ano, é mister que repensemos nossas ações e façamos uma transição do uso de palavras maléficas para o uso de palavras abençoadoras.

Semelhantemente, Israel vivia um tempo de transição quando se aproximavam os dias da morte de Davi. Salomão assumiria o trono. Diante dessa questão, Adonias veio a Bate-seba, mãe de Salomão, e disse: “Uma palavra tenho que dizer-te. Ela disse: fala” (I Re 2.14). Naquela época as pessoas se preocupavam com as transições e uma palavra sempre se fazia necessária; elas influenciariam um continente inteiro. Assim como Adonias tinha uma palavra para Bate-seba sobre o reino de Davi, Deus tem uma Palavra sobre Seu Reino para Sua Igreja; uma Palavra de três tons fundamentais para 2014 (neste sentido, tom é o modo de se expressar). A preocupação com transições precisa ser recíproca no povo de Deus. Deus tem uma palavra a nos dizer e precisamos responder: “Fala Senhor, que teus servos estão ouvindo”!

1. TOM DE BUSCA DO SENHOR (Is 55.6)

O que a Palavra de Deus nos ensina a priorizar em nossa busca? Não são os bens desta terra, com certeza. Na verdade, Isaías diz: “Buscai o Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto”. Paulo fala para buscarmos as coisas do alto, não as que são da terra (Cl 3.1-2). Jesus nos ensinou a buscar o Reino de Deus e sua Justiça e todas as demais coisas serão acrescentadas (Mt 6.33).

2. TOM DE TEMOR DO SENHOR (Pv 9.10):

Um homem sábio pode dizer: “O temor do Senhor é o princípio da sabedoria...”. Temer é respeitar e até ter medo de Deus, no sentido bíblico. Diplomas de terceiro grau, mestrados ou doutorados não podem ser equiparados à sabedoria que só vem de Deus. É a sabedoria que Salomão pediu para conduzir o reino de seu pai (I Re 3) e que Tiago nos incentiva a pedir a nosso Pai (Tg 1.5-6).

3. TOM DE TESTEMUNHO DO SENHOR (At 1.8):

Para que estamos aqui senão para testemunharmos do maior acontecimento já ocorrido na Terra (a encarnação do Verbo de Deus)? Nosso Mestre disse: “mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e sereis minhas testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria e até aos confins da terra... [e até Baixo Guandu]”. Somos embaixadores de Cristo (II Co 5.20), luz do mundo (Mt 5.14) e sal da terra (Mt 5.13).

Rev. Ângelo Vieira da Silva

Comente essa postagem aqui:
EmoticonEmoticon